FC Lusitanos de Samedan campeões regionais

0
156

A equipa sénior do FC Lusitanos de Samedan, sagrou-se campeã regional, um titulo que já à muito se escapava por “entre os dedos”.

Um campeonato regional que é disputado entre nove equipas, a equipa sénior Lusitana já procurava conquistar este titulo a algum tempo, com a defesa menos batida do campeonato 17 golos sofridos, 43 golos marcados, foi o segundo melhor ataque, contou apenas com 2 derrotas e 3 empates, o quanto bastou para no final se festejar o bem merecido titulo.

Talvez a mudança de treinador e a chegada de novos reforços à equipa tenham contribuído para este feito, foi o que fomos tentar saber junto do treinador da equipa sénior.

Fernando Bandeira natural de Paramos concelho de Espinho, também ele já jogou pela equipa sénior, afastado dos relvados devido grave lesão num joelho onde teve que ser submetido a uma intervenção cirúrgica, ficou ao comando técnico da equipa no inicio da época.

Finalmente o tão desejado titulo, os novos reforços e a mudança de treinador foi determinante para a conquista deste titulo que muitos já desejavam a algum tempo?

Não, de maneira alguma, a equipa já tinha boa qualidade de jogo os dois ou três reforços que chegaram apenas veio dar mais opções de escolha ao plantel, a equipa uniu-se bastante por vezes isso não acontece com a chegada de novos reforços, mas aqui somos todos adultos e lutamos todos pelo mesmo, eu apenas me limitei a dar continuidade ao excelente trabalho que foi feito até aqui pelo Nelson Fonseca “antigo treinador”, pois a ele também se deve esta conquista a quem eu quero desde já agradecer por me ter continuado a ajudar até aqui.

Como jogador foste sempre uma pessoa muito nervosa dentro de campo, agora como é estar a comandar e não poder jogar és mais calmo?

Estar fora e não puder jogar é muito complicado, eu sempre que jogava queria sempre fazer melhor e tinha aquela sensação que deveria fazer sempre mais e melhor, mas fora das quadro linhas é bem mais complicado eu sinto que encarno outra pessoa os nervos vêm mais ao de cima, e reconheço que grito muitos com eles, embora eles não gostem, pois alguns até são bem mais velhos que eu mas eles sabem que sou assim e depois de acabar o jogo volto à minha pessoa, por vezes no fim dos jogos depois de analisar-mos certas situações brincamos uns com os outros.

A tua continuidade como técnico da equipa sénior é para continuar?

Sim, para já mais uma época fico com toda a certeza, vamos ver como as coisas vão correr durante a próxima época pois o campeonato vai ser outro as equipas são mais fortes, vamos ver mas nós temos um grupo de trabalho espetacular descrevo-os com uma única palavra são homens.

Queres desejar esta vitória a alguém em particular?

Em particular, a muitos em primeiro à família de todos os jogadores porque isto não é fácil a quem cá anda requer muito trabalho e empenho de todos porque para alem dos treinos depois de um dia de trabalho, ainda temos os jogos ao dia de semana também estes depois de um dia de trabalho, onde alguns têm que sair um pouco mais cedo, outros têm que pedir a alguém que fique com os filhos porque as mulheres estão a trabalhar, chegamos a casa ás tantas da manhã porque os jogos são longe e sempre ao fim do dia, no outro dia espera-nos um dia de trabalho onde também se tem que dar o nosso melhor, por estas razões e mais algumas esta vitória é da família de todos os jogadores, depois a toda a direção do clube aos sócios e a todos aqueles que sempre nos apoiaram e acreditaram em nós.