DOIS MÉDICOS DETIDOS POR BURLA DE UM MILHÃO DE EUROS AO SNS

0
174

A Polícia Judiciária deteve dois médicos com idades entre os 45 e 57 anos de idade e uma farmacêutica de 36 anos por suspeita dos crimes de falsificação agravada de documento e burla qualificada que terá lesado o Estado em cerca de um milhão de euros.
Em comunicado a PJ explica que o esquema montado visava a “obtenção de lucros ilícitos, através da emissão de receitas médicas fictícias referentes a medicamentos”, pois a taxa de comparticipação paga pelo Estado reverteria a favor dos suspeitos.

Fonte: Rádio 94 FM